Função do Fisioterapeuta no TEA (Transtorno do Espectro do Autismo) Infantil










O autismo é uma doença que vem sendo estudada há cerca de 60 anos e, foi descrita pela primeira vez em 1943, pelo médico Leo Kanner. Trata-se de um transtorno invasivo do desenvolvimento que pode ser identificado antes dos três anos de idade. As principais características consistem em comportamentos repetitivos, estereotipados, limitações de atividades e interesses, comprometimento no desenvolvimento da linguagem verbal e não verbal, déficit quantitativo na interação social e comunicação.

Entre os especialistas, existe um consenso de que o Autismo é decorrente de uma série de disfunções do Sistema Nervoso Central (SNC), levando, assim, a uma desordem em diversas áreas da criança. Estu‑dos de neuroimagem e autópsias apontam uma va‑riedade de anormalidades cerebrais em indivíduos autistas, como, por exemplo, tamanhos anormais das amígdalas, hipocampo e corpo caloso, matu‑ração atrasada do córtex frontal, desenvolvimento atrofiado dos neurônios do sistema límbico e pa‑drões variados de baixa atividade em regiões ce‑rebrais diversas, como o córtex frontal e o sistema límbico

O fisioterapeuta tem como objetivo trabalhar aspectos motores, sensório-motores, tônus global, tônus postural, coordenação motora, equilíbrio, lateralidade, noção espacial, planejamento motor, esquema corporal e imagem corporal, bem como regulação sensório-motora e engajamento juntamente com a equipe interdisciplinar que atende o paciente com TEA sempre respeitando as suas individualidades, promovendo, assim, a formação dos alicerces para as competências sociais, emocionais e intelectuais destas crianças.

Tendo como pressuposto que todo processo cognitivo é resultado de um bom desenvolvimento motor, se torna elementar a presença do fisioterapeuta para o tratamento de sucesso dos pacientes com TEA. É de extrema importância que o profissional componha também a equipe de avaliações diagnósticas desse paciente, tendo em vista que nos primeiros anos de vida não há um diagnóstico fechado, somente suspeita, sendo o trabalho do fisioterapeuta nessa fase inicial de suma importância para todo o desenvolvimento motor da criança.

Quer ter mais conhecimento sobre como cuidar de alguém com Autismo?

Curso Online - ABA E AUTISMO - Trabalhando habilidades e comportamentos fundamentais para favorecer o desenvolvimento  foi pensado a partir da necessidade de muitos profissionais da área da saúde, da educação e familiares que buscam conhecimento com o objetivo de ofertar condições mais favoráveis de aprendizado para ajudar seus pacientes, alunos e filhos com diagnóstico de TEA- Transtorno do Espectro Autista a se desenvolverem da melhor forma possível. Clique aqui e saiba mais!



Capacite-se para atender melhor os pacientes:
  • Anamnese - Passo a Passo para uma boa avaliação
  • Exercícios Físicos no Controle da Dor
  • Liberação Miofascial Instrumental MioBlaster (IASTM) + Ventosas

  • Gostou o texto? Nos siga nas redes sociais: Instagram, Facebook e Twitter

    Quer anunciar neste blog?
    Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

    Quer sugerir uma pauta?
    Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui

    Poste um Comentário

    Tecnologia do Blogger.