Metas da reabilitação da fase flácida e espástica da hemiplegia


>




Reabilitação durante a fase flácida
•         Metas:
–        Minimizar os efeitos das anormalidades de tono.
–        Manter ADM normal e impedir deformidades.
–        Melhorar as funções respiratórias e oromotoras.
–        Estimular atividades funcionais
–        Promover a conscientização, movimentação ativa e o uso do lado hemiparético.
–        Melhorar o controle do tronco e o equilíbrio na posição sentada.
–        Iniciar as atividades de cuidados pessoais

1. Posicionamento
2. Mudanças de posições
4. Exercícios no leito:
–        Movimentação passiva
–        Movimentação auto-passiva
–        Auto massageamento
–        Ponte
–        Rolamento
–        Exercícios de tronco

Reabilitação durante fase espástica
•         Metas:
–        Minimizar os efeitos da espasticidade e promover um equilíbrio dos antagonistas.
–        Manter ADM e impedir deformidades.
–        Promover o uso funcional e a reintegração do lado parético, e o controle dos movimentos seletivos, afora os sinergismos.
–        Melhorar o controle postural e equilíbrio dependente.
–        Desenvolver independências
–        Melhorar a resistência cardiorrespiratória.

Dicas para Profissionais:
  • + de 70 ebooks de Fisioterapia na Neurologia
  • Curso de Agulhamento a Seco (Dry Needling)
  • Curso - Aprenda Auriculoterapia
  • Curso - Aprenda Ventosaterapia

  • Metas da reabilitação da fase flácida e espástica da hemiplegia Metas da reabilitação da fase flácida e espástica da hemiplegia Revisado by Faça Fisioterapia on 06:21 Nota: 5